2 comments

Ontem eu me dei um embromation day e acessei blogs maravilhosos, de acadêmicos (um acho que é biólogo, mas escreve sobre tudo, e o outro parece que é físico/astrônomo). Dentre outras coisas, um post falava sobre essa coisa de que os acadêmicos não pertencem ao “mundo real”. Não sei se você sente isso, se entende do que estamos falando. Achei delicioso aquele post. Depois posto aqui o link. Quando eu venho pro trabalho, eu sei que venho pro “mundo real”. E você? Quando está sentado na frente do seu orientador, quando está trabalhando em sua belíssima pesquisa, você está vivendo o mundo real, ou se distanciando cada vez mais dele?

Hmmm, os dois, às vezes num extremo, às vezes noutro. E o que muda é minha percepção, tenho consciência disto.

Às vezes estou querendo fazer pesquisa pura e acho que minha pesquisa é muito aplicada, às vezes ando nos caminhos contrários e me sinto miseravelmente fazendo coisas sem sentido quando queria fazer coisas de aplicação direta…

Mas basta ter um artigo aceito em congresso para todas as dúvidas se dissiparem….

Deixe uma resposta