Filmes [quase] esquecidos

Child of Glass – O menino que falava com fantasmas – youtube

Incredible Rocky Mountain Race

The Sentinel – A Sentinela dos Malditos – youtube

Le Magnifiqueyoutube

Damnation Alleyyoutube

The Abominable Dr. Phibes

The Abominable Dr. Phibes
Quicklinks
Top Links

trailers and videosfull cast and crewtriviaofficial sitesmemorable quotes

Overview

main detailscombined detailsfull cast and crewcompany creditstv schedule

Awards & Reviews

user reviewsexternal reviewsnewsgroup reviewsawardsuser ratingsparents guiderecommendationsmessage board

Plot & Quotes

plot summarysynopsisplot keywordsAmazon.com summarymemorable quotes

Fun Stuff

triviagoofssoundtrack listingcrazy creditsalternate versionsmovie connectionsFAQ

Other Info

merchandising linksbox office/businessrelease datesfilming locationstechnical specslaserdisc detailsDVD detailsliterature listingsNewsDesk

Promotional

taglines trailers and videos posters photo gallery

External Links

showtimesofficial sitesmiscellaneousphotographssound clipsvideo clips

The Abominable Dr. Phibes

10, in no particular order

1. Lost in translation
2. 2001: a space odyssey
3. Une liaison pornographique
4. The thin red line
5. Eternal sunshine of the spotless mind
6. Babette’s feast
7. Ghost in the shell
8. Lavoura arcaica
9. Trois Couleurs: Bleu
10. Blade runner
11. Chasing Amy
12. The color purple
13. Dancer in the dark
14. The dreamers
15. Elephant
16. Gosford park
17. Harold and Maude
18. Ran
19. The breakfast club
20. Romeo + Juliet
21. Stealing beauty
22. Sweet and lowdown

Vendo Perfume

Gostaria de poder dizer “eu vejo perfumes”, in the fashion of “I see dead people”. Mas, é fato que não vejo perfumes. Minha debilitada visão é o meu sexto sentido.

Mas lia muito Perfume e vi Perfume, livro e filme. Acho o filme mais que competente ao retratar cheiros. Seja diretamente, como quando Baldini prova o “Amor & Psyche 2.0″ ou indiretamente, na reação das pessoas, como nas seqüencias finais.

No entanto, tendo lido o livro inúmeras vezes, me sinto no direito de fazer minhas adaptações.

A fotografia poderia ser mais difusa, impressionista. Não sei se em todo o filme, ou se apenas na visão de Jean-Baptiste. Entendo o desejo do diretor em valorizar a precisão do senso de Grenouille. Mas um ar um pouco etéreo não diminuiria a sua capacidade.

O mundo visto por Grenouille poderia e deveria ser diferente do real. As Coisas visualmente exuberantes calam-se no mundo dos cheiros. Muito do que se esconde dos olhos, foge para o mundo e anuncia-se com seu odor. As ruivas, vestidas no mundo real, nuas para ele.

Outros detalhes atrapalham esta minha visão purista: a primeira jovem estava muito longe dele no livro. Ela atravessa todo o fedor de Paris. Também não lembro de haver qualquer intercâmbio entre eles, qualquer contato anterior que não pelo seu cheiro.

Mas o que mais me incomodou foi a narração. Muito foi dito desnecessáriamente. Confesso que meu julgamento a este respeito é prejudicado pela leitura prévia. Mas ainda assim acho que as cenas eram boas o suficiente para dispensar o narrador em 90% das vezes. Certamente intromissão do produtor.

Bee: sorry, it could not wait. but I’m still waiting for yours.

Perfume

Está sendo feito um filme sobre o livro “Perfume” de Patrick Süskind. Vi apenas o trailer mas não gostei. Missão impossível para o diretor. este livro me marcou muito. Lembro que vendeu bastante, mas não sei se o sentimento quanto a ele é tão entusiasmado quanto o meu. Fez para mim o que “O Estrangeiro” deve ter feito a muita gente.
A escolha da cena do trailer me incomodou muito também. Esta é uma cena em que mostrar é destruir o encanto do livro. Não há atriz neste mundo capaz de representar esta não-personagem do livro. Ela é como vc a quiser, a perfeição, a imagem de todo o desejo que vc já teve. a junção de tudo que já lhe atraiu em qualquer mulher, congelado no momento em que vc lê o livro. Talvez numa cena mais enevoada, porém com cores fortes…