3 thoughts on “Pode não haver ligação direta…

  1. O “trem de ligação” seria METRÔ-GUARULHOS, e não Congonhas-Guarulhos, né? Porque não acredito que uma ligação CGH-GRU resolvesse algo.

    E o problema não é “o acesso a Guarulhos”. Em São Paulo o problema é “o acesso”, ponto. As pessoas usam o carro porque são preguiçosas e porque o trasporte público ainda precisa melhorar muito. Além disso, está na hora de o Brasil abraçar a causa ambiental e estimular o uso de meios mais eficientes. Um ônibus ocupa o espaço de 3 ou 4 carros, e transporta cerca de 20 vezes mais pessoas. Bikes não poluem e dão prazer e saúde.
    Metrô é rápido e não enfrenta congestionamento.

    Mas acredito também que, a exemplo do acidente em CGH, só vão resolver algo quando, por exemplo, houver um engarrafamento em São Paulo em que se leve 9 horas pra fazer um percurso de 15 km.

  2. É obvio que o trem de ligação é dos sistema de transporte público com GRU. Chegar de metrô também em CGH tbm é interessante.

    As pessoas vão usar o que é mais cômodo e isto em geral pode ser traduzido em custo. As empresas aéreas cobram mais caro porque é mais barato ir pra CGH do que para GRU. Assumindo que o passageiro pague o mesmo numa viagem ( transporte na cidade + bilhete ), em CGH, mais dinheiro fica com a empresa aérea e menos com os motoristas de taxi ou com a empresa que faz o transfer. Ainda por cima, chegar em CGH é mais rápido e não há a incerteza dos engarrafamentos da marginal.

    Um trem expresso para GRU pode tornar o acesso mais competitivo tanto em termos de custo quando em comodidade, já que o passageiro conta com a previbilidade do tempo do trajeto cidade-aeroporto.

    Pra finalizar, acho que a existência de outros problemas, mesmo que mais amplos, não seja boa justificativa pra não tratar um problema específico. Mesmo pq, às vezes, a solução de problemas sistemicos passa pela adoção de pequenas medidas.

    Neste exemplo, um trem para GRU poderia ser um passo no sentido de dar ao transporte coletivo um uso além do que nós estamos acostumados. A filha da dondoca que vai a GRU de trem, pq este é o único jeito de chegar a tempo ( evitando o engarrafamento ), pode descobrir que não só miseráveis usam transporte público.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *